Avaliação do resto-ingesta de alimentos em uma unidade de alimentação e nutrição no município de Sobral, Ceará

10 de novembro de 2016

DOI: 10.17648/nutrivisa-vol-3-num-2-e

Autores:
Alessandra Maria Silva de Brito
Aline Morais Vieira
Ana Bruna Rocha Souza
Ana Sâmia Lopes
Benedita Alane Batista Craveiro
Fernanda Barroso Vasconcelos
Mariane Silveira Magalhães

Resumo:
Introdução: Em uma Unidade de Alimentação e Nutrição, o desperdício de alimentos é um fator de grande importância, que pode ser visto pela questão ética, econômica, social e política. Entretanto, isso está relacionado principalmente às preferências e aversões alimentares dos comensais, ao planejamento indevido do número de refeições e até mesmo à execução das preparações do cardápio. Objetivo: Avaliar os índices de resta ingesta em uma Unidade de Alimentação e Nutrição na cidade de Sobral, Ceará. Metodologia: Estudo de caso, transversal, descritivo e quantitativo com o cálculo do resto-ingesta durante o mês de fevereiro de 2016, referente ao almoço oferecido aos trabalhadores de uma fábrica de calçados. Como informações complementares, utilizou-se a ficha de relato dos comensais, com o objetivo de associar as principais causas do desperdício com o resto-ingesta diário. Resultados: O peso médio do consumo da refeição per capita foi de 382g para, em seguida, chegar ao resto-ingesta per capita de 14,63g, valor abaixo do indicado por Vaz (2006), em que o per capita de resto-ingesta deve estar entre 15 e 45g por pessoa, tendo uma média de 20g. Conclusão: O resto-ingesta está dentro de parâmetros aceitáveis, mas a quantidade de alimentos desprezados pela UAN é elevada, gerando um gasto desnecessário.
Palavras-chave: desperdício, unidade de alimentação e nutrição, resto-ingesta.

Assessment of leftovers in a food and nutrition unit in Sobral, Brazil

Abstract:
Introduction: In a Food and Nutrition Unit, food waste is a factor of great importance, which can be seen by the ethical, economic, social and political view. On the other hand it also relates food preferences and aversions of the diners and improper planning of the number of meals and even the execution of menu preparations. Objective: To evaluate food leftover’s in a Food and Nutrition Unit in the city of Sobral, Ceará. Methodology: Case study, cross-sectional, descriptive and quantitative with the estimate of food leftover during the month of February 2016, referring to the lunch offered to workers in a shoe factory. As additional information, a record of the diners account was used, in order to associate the main causes of waste with the daily food leftovers. Results: The average weight of consumption per capita meal was 382g to then reach the rest intake per capita of 14.63 g, below the rate indicated by Vaz (2006), where the per capita intake should rest is between 15 to 45g per person having an average of 20g. Conclusion: Although the leftovers are within acceptable parameters, the amounts of food discarded is high, generating unnecessary expenses.
Keywords: waste, food and nutrition unit, leftovers.

Clique aqui para baixar este artigo na íntegra em PDF.

Download the PDF file .